segunda-feira, 14 de maio de 2018

O som de Nei Lopes

São nada menos que 332 composições, a maioria como letrista. Algumas, como único autor; muitas com parceiros tão variados e respeitáveis quanto Wilson Moreira (o mais frequente), Zeca Pagodinho, Jovelina Pérola Negra, Zé Renato, Almir Guineto e Arlindo Cruz.

As composições mais famosas são sambas no melhor estilo carioca: Senhora Liberdade, Goiabada Cascão; Gostoso Veneno e tantos outros. Mas a criatividade musical de Nei e seus parceiros explora também as raízes mais recuadas da música popular brasileira: o samba de roda da Bahia, o lundu do Rio do século 19, o coco nordestino, o jongo e o calango das velhas fazendas do interior do Estado do Rio e de Minas Gerais. São preciosidades como o Jongo do Irmão Café e Tia Eulália na XibaE vão além, misturando as sonoridades afro-brasileiras com os sons que nos vêm dos outros países da América Latina e do Caribe. Como em Afrolatino. 

Clique aqui: Repertório musical completo (gravado ou editado) de Nei Lopes

Veja também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário